conecte conosco

Destaque

BOMBA!! Goleiro Bruno vai voltar aos gramados

Published

on

Pasme!! Já está praticamente tudo pronto para o goleiro Bruno Fernandes assinar contrato com o Poços de Caldas Futebol Clube, que irá disputar a Terceira Divisão do Campeonato Mineiro. A informação foi confirmada pelo presidente do clube, Paulo César da Silva, em entrevista concedida a imprensa nesta terça-feira (13). De acordo com o responsável pelo clube, o goleiro irá treinar com o elenco já na próxima semana.

“Ele vai estar assinando o contrato no dia da apresentação, na Urca, a gente vai agendar o dia para ele assinar o contrato. Isso deve ocorrer em seis dias, nós estamos fazendo a montagem do time, fazendo outras contratações, porque o time vai estar participando de um torneio e fazendo alguns amistosos preparando para 2020. (…) O Bruno, provavelmente, semana que vem ele já começa a treinar. Ele só precisa de algumas liberações, algumas coisas que precisam ser combinadas, mas ele já é contratado do clube” – Disse Paulo.

O dirigente do clube disse que haverá um planejamento especial da equipe para o próximo ano e também garantiu que está muito feliz com o goleiro Bruno ser o novo contratado do clube.

SÓ LEMBRANDO…

Bruno foi preso em setembro de 2010 e condenado em março de 2013 pelo homicídio triplamente qualificado de Eliza Samudio e pelo sequestro e cárcere privado do filho Bruninho. As penas somadas chegam a 20 anos e 9 meses de prisão. No dia 18 de julho de 2019, o juiz Tarcisio Moreira de Souza, da 1ª Vara Criminal e de Execuções Penais da Comarca de varginha, concedeu a progressão de regime para o semiaberto.

Thiago é Baiano, que mora no Rio de Janeiro. Tem 26 anos, é Roteirista de TV, Teatro e Cinema. Ja produziu espetáculos de teatro e atualmente grava uma série para TV fechada. Estudou na Hollywood Film Academy.

Copyright © 2019 É ESPORTE é um site administrado pela Agência Éweb & ETV. São Paulo- Brasil

Translate »
error: A Copia é permitida desde que a fonte Eesporte Brasil seja citada!!! O uso sem a citação da fonte pode acarretar em direitos autorais.